03
Out 10

(Não me vou queixar)

... mas ...

 

Só que custa não poder sonhar mais que os dias da semana;

Não perspectivar uma viagem mais que além-tejo;

Viver cada 24horas como se fossem tempo único sem um fio condutor.

 

Só que custa chegar a esta idade e ter experiências fortes que doem,

Ter sonhos impossíveis por inoperâncias e erros,

Viver aos bocadinhos, como se fosse algo estanque.

 

Só que custa pensar que sou uma vítima de mim mesma,

Que não arranjo mais forças para ser mais alguém do que já sou.

E não ser isto que sempre fui.

 

(Não me vou queixar)

...  mas ...

historiado por vanessaquiterio às 20:46
tags:

Vanessa Quitério
pesquisar