23
Jun 08
 
 
 


A experiência de entrar no ensino superior é algo que marca e que inicia uma nova fase na vida de qualquer estudante. O partilhar casa ou quarto com um grupo de amigos é algo comum na cidade de Coimbra, bem como em qualquer cidade universitária do nosso país. Mas partilhar um quarto com outra pessoa, num universo de mais trinta e oito pessoas é uma situação que nem todos percepcionam ou alguma vez experimentaram.

Atentos a esta situação e com vista a melhorar as condições de permanência de centenas de estudantes que ingressam o Instituto Politécnico de Coimbra (IPC), os Serviços de Acção Social do IPC têm desenvolvido mecanismos de apoio social de forma a auxiliar os estudantes mais carênciados.

O objectivo destes serviços é favorecer um acesso fácil ao ensino superior e discriminar de forma positiva os alunos economicamente mais carenciados e/ou deslocados através da prestação de serviços de apoios pontuais.

De entre os apoios prestados destacam-se:

 
 

- Bolsas de estudo e auxílio de emergencia;

- Alojamento;

 

- Alimentação em cantinas;

 

- Serviços de saúde e de clínica geral;

 

- Apoio a actividades despotivas e culturais.

 

Ana Martins, aluna na Escola Superior de Educação, dá o seu testemunho sobre a sua vivência nas residências do IPC.

 

historiado por vanessaquiterio às 07:30

Vanessa Quitério
pesquisar